Informação necessária.
 

CADASTRE-SE

Faça seu cadastro para receber nosso informativo eletrônico:
Nome: Informação necessária.
E-mail: Informação necessária.E-mail inválido.
 
Youtube Twitter Facebook
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

NOTÍCIAS

  21/06/2016 
PREVENÇÃO

ONG lança campanha focada no combate ao zika vírus e no cuidado de bebês com microcefalia

Em fevereiro, o avanço da microcefalia ligada ao zika vírus foi considerado uma emergência internacional pela OMS

Força-tarefa montada pela ONG Visão Mundial, com apoio internacional, lança a campanha #SaiZika, focada no combate ao zika vírus e no cuidado de famílias com bebês diagnosticados com microcefalia.  Em fevereiro, o avanço da microcefalia ligada ao zika vírus nas Américas foi considerado uma emergência internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A World Vision International, então, junto à Visão Mundial Brasil, consolidou um comitê de resposta à situação, com subsídio internacional, para atuar nacional e, principalmente, regionalmente nos locais de maior risco. Ao todo, são 10 profissionais de diferentes áreas de conhecimento (emergência, saúde, assistência social, comunicação, mobilização de recursos, relações institucionais, gestão, administração e finanças), trabalhando ativamente para a consolidação das ações do plano.

Ações
A campanha #SaiZika, atualmente, está desdobrada em ações majoritariamente no Nordeste, onde a incidência do vírus é maior; e no Rio de Janeiro, devido à preocupação com as Olimpíadas Rio 2016, frente ao risco que o vírus representa para os turistas e moradores da cidade carioca.

São quatro os eixos de atuação da #SaiZika:

  • Prevenção e conscientização nas escolas das comunidades e escolas públicas para evitar a proliferação do mosquito com intermédio e auxílio de artistas circenses a fim de se ter uma intervenção lúdica e efetiva;
  • Mutirão de limpeza nas comunidades com a atuação de voluntários que limpam e distribuem material didático de conscientização;
  • Distribuição de repelente e mosquiteiros para mulheres grávidas na área de maior risco - por exemplo, zona oeste de Recife;
  • Rede de apoio financeiro, psicossocial e médico para famílias com crianças portadoras de microcefalia.

Saiba mais
A #SaiZika teve a sua primeira fase de 11 de fevereiro a 31 de março. Neste período, foram pensadas ações para ajudar de maneira emergencial o combate ao mosquito e a assistência, principalmente, às crianças e às mulheres grávidas. Durante esta fase, 44.579 pessoas foram beneficiadas nas comunidades que a Visão Mundial atua e mais de 200.000 mulheres entre 18-40 anos que residem nos estados do Norte e Nordeste receberam orientações de prevenção via SMS. Também foram entregues 6.000 unidades de repelentes para gestantes, crianças e adolescentes; 1.500 unidades de mosquiteiros para mulheres grávidas; e 467 voluntários participaram de mais de 150 atividades educativas. Atualmente, as ações estão sendo feitas em seis capitais: Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Maceió.

A segunda fase do projeto está sendo implantada desde o começo de abril e tem a duração prevista de seis meses. Para este período, a expectativa é de alcançar 49.321 pessoas de forma direta e 147.963 de forma indireta. Também é possível apadrinhar especificamente crianças diagnosticadas com microcefalia por meio da organização. A Visão Mundial provê o sistema de apadrinhamento para mais de 87 mil crianças em estado de vulnerabilidade do Brasil.

A organização tem como objetivo potencializar ainda mais a ajuda durante esse período por meio de parcerias e articulações com diferentes atores sociais (Saúde, Educação, Assistência Social, Igrejas, Organizações Comunitárias, Secretaria de Planejamento Urbano, Secretaria de Planejamento Urbano, Secretaria de Infraestrutura). Para a Visão Mundial, é vital a articulação com o poder público local e nacional, a fim de sensibilizar as autoridades para a gravidade da situação e viabilizar mecanismos de ampliação das ações de prevenção ao vírus e cuidados com as crianças vitimadas pela doença.

Os interessados em apadrinhar uma criança ou contribuir de outras formas, devem entrar em contato com a Visão Mundial por meio do telefone 0300-788-7999 ou pelos sites http://doe.vc/saizika e visaomundial.org.br.

Sobre a Visão Mundial
A Visão Mundial Brasil integra a parceria World Vision International, que está presente em cerca de 100 países. No País, a Visão Mundial atua desde 1975 em 10 estados, beneficiando 2,7 milhões de pessoas com projetos nas áreas de educação, saúde/proteção da infância, desenvolvimento econômico e promoção da cidadania. Seus projetos e programas têm como prioridade as crianças e adolescentes que vivem em comunidades empobrecidas e em situação de vulnerabilidade. Site: visaomundial.org.br/.

Com informações da ONG Visão Mundial
 

Última atualização: 21/06/2016 às 10:05:07
 

Notícias Relacionadas

19/04/2017    Com lista de tarefas do bem, “Baleia Rosa” propõe o oposto de jogo mortal
06/09/2016    Movimento mundial conscientiza sobre a realidade do suicídio e que é possível prevenir
01/07/2016    Seminário discute cultura do medo, o custo econômico e social da violência e a impunidade
24/06/2016    Entidades promovem caminhada de conscientização em alusão ao Dia Mundial de Combate às Drogas
21/06/2016    Jovens da comunidade do Titanzinho participam de ação de prevenção às drogas
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

PÁGINA INICIAL

 
 

Copyright © 2009-2017 Agência da Boa Notícia  •  Todos os direitos reservados.
Av. Des. Moreira, 2120, sala 1307 - Aldeota  •  CEP: 60170-002  •  Fortaleza - CE
Fone/Fax: (85) 3224.5509  •  E-mail: boanoticia@boanoticia.org.br

    www.igenio.com.br